Quilombola capixaba lança primeiro clube de leitura antirracista do Brasil

Com entrega mensal de livros a associados, Pretaria BlackBooks busca visibilizar produção literária negra no Seculário Nascida no quilombo de Angelim, em Conceição da Barra (norte do Estado), e fundadora do Coletivo Negrada em Vitória, Mirtes dos Santos era figura atuante no movimento negro capixaba até sua ida para o Niterói (RJ) para cursar Mestrado em…

Dupla jornada e assédio: prefeitas governam apenas para 7% do país

Elas se preparam mais para chegar ao poder e acumulam experiências, mas ainda enfrentam machismo e preconceito à frente da administração municipal “Um candidato falou para mim: alguém tem que falar para essa mulher que o lugar dela é servindo café para as autoridades que chegam.” Essa foi apenas uma das demonstrações de machismo e preconceito que Daniela de…

Feminicídio é crime de ódio, não de amor, alerta promotora de SP

As mortes qualificadas como feminicídio em São Paulo aumentaram 12,9% em 2018 na comparação com o ano anterior, conforme dados da Secretaria de Segurança Pública (SSP) de São Paulo. Foram registrados 148 assassinatos no ano passado e 131 em 2017. O homicídio qualificado como feminicídio foi definido pela Lei nº 13.104 de 2015, que estabelece…

Violência contra a mulher: novos dados mostram que ‘não há lugar seguro no Brasil’

Em um sábado de fevereiro, Elaine Caparróz apanhou por horas de um homem que conheceu na internet e terminou a noite com o rosto desfigurado. Dias depois, outro homem foi detido por ejacular sobre uma passageira dentro de um trem. Não foram casos isolados. Nos últimos 12 meses, 1,6 milhão de mulheres foram espancadas ou…

Mulheres ocupam 69% dos cargos de liderança em comunicação empresarial

    A pesquisa inédita “Perfil da Liderança em Comunicação no Brasil”, divulgada pela Associação Brasileira de Comunicação Empresarial (Aberje), mostra que apesar de ocupar 69% dos cargos de liderança na comunicação corporativa no Brasil, as mulheres representam 45% do total de cargos de direção ou vice-presidência nas empresas onde trabalham. A pesquisa foi feita…

“NÃO HÁ MAIS ESPAÇO PARA FRAUDE COM CANDIDATAS LARANJAS” , DIZ EX-MINISTRA

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) julgará na quinta-feira uma ação de investigação judicial eleitoral (Aije) cujo resultado vai barrar, ou no mínimo arrefecer, fraudes de partidos que usam mulheres como candidatas laranjas para preencher a cota obrigatória de 30%. A tendência é que o tribunal confirme sentença do TRE do Piauí, levando à cassação de…