Notícia 1 pv mulher – 9 de janeiro

Quem são as mulheres que entraram em domínio público em 2018 (e você precisa conhecer)

Guarde os nomes de Alice Babette Toklas, Anna Wickham e Kathleen Scott. By Andréa Martinelli Alice Babette Toklas, Anna Wickham e Kathleen Scott. Elas são as mulheres que, em 2018, tiveram suas obras colocadas em domínio público. Ou seja, suas criações tanto de arte, cinema e literatura podem ser usadas livremente por qualquer pessoa, sem restrições, pagamento ou…

Detalhes
Notìcia 3 pv mulher – 8 de janeiro

Mulher, feminista e de esquerda: Essa é a nova primeira-ministra da Islândia, país com IDH entre os mais altos do mundo

Katrín Jakobsdóttir, do partido Esquerda Verde, é a mais nova chefe de estado da Islândia, país que não tem McDonald’s e nem exército e possui um dos melhores padrões de vida do mundo. Conheça  Por Redação Foi oficializado nesta quinta-feira (30) o novo governo da Islândia, que terá como principal líder a nova primeira-ministra, Katrín…

Detalhes
pv mulher hoje

A epidemia sem fim: O futuro do zika vírus e por que o surto de 2015 pode se repetir

Na última reportagem da série “Zika em Alagoas: Esquecidos pelo Estado”, governo de Alagoas admite omissão e especialistas buscam respostas para epidemia. Marcella Fernandes Repórter de política, HuffPost Brasil Se o início do zika no Brasil é cheio de incógnitas, o futuro não é diferente. Em Alagoas, duas pesquisas estão sendo desenvolvidas. Uma investiga como funciona…

Detalhes
grafico 21 de dezembro

Número de mulheres de 14 a 29 anos que não estudam por causa de afazeres domésticos é 30 vezes maior que o de homens

Levantamento do IBGE mostra razões pelas quais jovens param de estudar. De acordo com pesquisa divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 24,8 milhões de brasileiros de 14 a 29 anos, em 2016, não frequentavam escola, cursos técnicos ou de qualificação profissional, aulas preparatórias para o vestibular e, no caso dos mais velhos,…

Detalhes
Notícia 3 – 20 de dezembro

Mulheres apoiam mulheres a romper o ciclo da violência de gênero, revela campanha da ONU nos 16 Dias de Ativismo

Sob o lema “Não deixar ninguém para trás: acabar com a violência contra as mulheres”, a campanha da ONU para os 16 Dias de Ativismo se baseou na Agenda 2030 de Desenvolvimento Sustentável e destacou o protagonismo das mulheres para o fim da violência Coletivos. Terreiro. Defensoria Pública. Estas são três das redes destacadas nos…

Detalhes